SEJAM BEM VINDOS

SEJAM BEM VINDOS

Quando passar por aqui, deixe suas pegadas marcadas num recado.

PERDÃO



Perdão


Que a pedra que me atiras,

Sirva de enfeite pra teu jardim

E as lágrimas que me fazes derramar

Seja a chuva a regar tuas flores.


Que o sorriso que me negas,

Nunca saia dos teus lábios

E a tristeza que me ofertas

Seja a felicidade que te devolvo.


Que as palavras árduas que me dizes

Voltem pra ti numa doce melodia

E o abraço que não me deste

Nunca falte quando precisares.


Que o muro contra mim erguido

Sirva de sombra a te proteger

E os espinhos com que me feres

Virem uma cama macia pra teu descanso.


Que o ódio que me deste

Retorne em brisa pra te refrescar

E da mágoa em mim plantada

Nasça uma rosa pra te alegrar


Que o mal que me desejas

Seja pra ti alegria em dobro

E a brasa com que me queimas

Aqueça-te nos dias frios.


Que o amor esteja sempre contigo,

Mesmo que não o queiras!

Desejo que ele fique bem pertinho,

E te carregue nos braços se vieres a cair.


Francineide Lima